sábado, 13 de julho de 2013

FW: Você já leu Lênin? É bem curtinho, leia!...IMPORTANTÍSSIMO CONHECER.....


Recebi esse email de uma pessoa amiga. A julgar pelo texto curto, a formatação da mensagem e de quebra uma apresentação em anexo, essa mensagem preencheria todos os requisitos para SPAM e naturalmente iria para o meu lixo eletrônico.

Mas dessa vez eu fiz diferente. Li os tais 'mandamentos do Lênin' e achei que valeria a pena escrever algumas opiniões minhas por aqui. Então vou falar um pouco sobre a mensagem e depois sobre o conteúdo dos slides.


Penso que quando encaminhamos uma mensagem de e-mail ou damos uma importância a postagens feitas nas redes sociais, queremos com isso mostrar que estamos em sintonia com o conteúdo, e em certo sentido, concordamos com o texto. Longe de querer discutir política por aqui ou pelo email (prefiro pessoalmente), quis fazer esse alerta a você e a quem mais interessar, que essa mensagem acima é tendenciosa e extremamente deturpada.


Também não venho defender aqui nenhum tipo de ideologia, porque tenho o entendimento que cabe a cada um ter e cultivar as suas próprias convicções, através do exame consciente e do estudo constante. E que independentemente do entendimento que se tenha da política ou da moral vigente, é necessário fundamentar o argumento para que ele possa ser levado em consideração. É exatamente o que acontece com essa mensagem: Carece (e muito) de fundamentação.

Ora, que a mensagem seja antipetista é uma coisa bem óbvia. Eu não vejo problemas em criticar a gestão petista, que no frigir dos ovos para mim acaba sendo mais do mesmo. Houve progressos significativos em algumas áreas e retrocesso em outras, daí cada um que escolha seus critérios e defenda suas bandeiras. E se for criticar, que esta seja bem feita e elaborada de forma honesta. Esse slide não faz assim. Pelo contrário, mistura dois momentos históricos e políticos diversos, e cria uma conexão aparente entre eles, para dar um ar de verdade e 'ciência' ao que se diz.

De forma perigosa e ingênua mistura o Leninismo (corrente política marxista, que defendia a intervenção estatal na economia e em outros âmbitos sociais) com o Socialismo, que é um conceito bem mais mais rico e amplo, com tantas sutilezas que nem se houvesse outros 100 'mandamentos' iguais a esses acima seria possível sintetizar toda pluralidade presente nesse sistema de pensamento. Além do que aprendi a desconfiar de qualquer checklist quando aplicado a teorias científicas.

Mas vamos focar apenas no texto. Do pouco que eu sei e estudei, não existe nenhum discurso ou mesmo texto do Lênin que contenha esses 'mandamentos', portanto, é mentiroso já quando anuncia ser de quem se diz. Saindo das questões de origem, vamos para as questões de fundamento. Vejamos:
1 - Corrompa a juventude, de-lhe a liberdade sexual
- Sendo a juventude a garantia de preservação e prosperidade de um Estado que se pretendia mundial, qual a necessidade de 'corromper' essa juventude?
- ​O que seria essa 'liberdade sexual'​ mencionada no primeiro slide? Liberdade de escolha dos parceiros (eu escolho com que quero me casar ou ter relações sexuais). Apenas em comunidades arcaicas e baseados em castas que há esse controle sobre os relacionamentos.

2 - ​Infiltre e controle depois todos os meios de comunicação
- ​Isso é bem verdade. ​Não só Lênin, mas praticamente TODOS os estadistas utilizam dessa prática. Tanto que muitos chamam os meios de comunicação de '4 Poder', dada a sua importância para a política de um país. Esse controle não se limita apenas aos Meios de Comunicação tradicionais, tampouco à antiga URSS. 
​3 - ​Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discuss​õ​es sobre assuntos sociais;
​O único lugar onde as pessoas se tratam com igualdade​, justiça e respeito é na Utopia, de Thomas Morus.  
​4 - ​​​Destrua a confiança do povo em seus líderes
​- ​Vejamos: Lênin foi um grande estadista, líder de uma corrente de pensamento político. Destruir essa tal confiança não seria atentar contra a sua própria condição? Vamos examinar! 
​5 - ​Fale sempre em democracia e Estado de Direito, mas, tão logo haja oportunidade, assuma o poder sem qualquer escrúpulo;​
- Eu acho procedente essa afirmação, porque desde o surgimento da Democracia na Acrópole a demagogia está presente nos discursos e práticas dos políticos. De Platão à Maquiavel, seguindo por Weber e chegando à Chomsky, a lógica geral infelizmente não mudou.

6 - Colabore com o esbanjamento do dinheiro público, coloque em descrédito a imagem do país, especialmente no exterior, provoque o pânico e o desassossego na população por meio de inflação;
- Um dos alicerces do Leninismo foi justamente a formação de uma frente única, para deliberação e negociação das ações políticas. Não vejo como poderia haver esbanjamento de dinheiro e inflação, sendo a economia planificada e amarrada aos ditames do Estado. 
7 - Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais do país;
8 - Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não as coíbam;
9 - Colabore para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes
- Esses três pontos vou comentar num bloco único. O interessante aqui é que ele fala sobre as greves, de ilegalidade, fala de distúrbios e valores morais que serão atentados por esses 'socialistas'. Esses últimos três mandamentos afastam a hipótese inicial de ingenuidade que levantei acima e confirma as minhas suspeitas de que essa peça foi montada por uma mentalidade tacanha e desonesta, que busca através do pânico, da desinformação e da deturpação forjar um quadro social estranho ao que de fato seria. 
10 - Procure catalogar todos aqueles que tem armas de fogo, para que sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência.
- A máscara já havia caído caiu. Neste último 'mandamento' é evidente a ruminação do referendo, ocorrido aqui em 2005, sobre o Estatuto do Desarmamento, momento importante da política nacional recente que envolveu toda sociedade num debate amplo em torno da questão das armas. Campanhas foram feitas e algumas organizações fizeram campanhas, mostrando seus interesses. No tal slide aparece um lacônico "(Ainda bem que votamos NÃO)".

Na sequência, dois slides com fundo verde e letras amarelas (nacionalismo ufanista?) alerta às pessoas 'menos esclarecidas' que essa decadência não se limita apenas ao âmbito financeiro, chegando ao âmago de nossas instituições. A "família, o estado de direito, o bem público, a religião etc... são os pilares que sustentam uma verdadeira democracia". Há controvérsias. O que sustenta a Democracia enquanto sistema político é a isonomia, a transparência das instituições e a igualdade de oportunidades.

É evidente que as instituições acima mencionadas corroboram para a existência de uma sociedade e para mim não faz sentido perguntar por isso, que é algo óbvio. A questão maior e acerca de QUAL modelo (se é possível caracterizar isso com propriedade) de instituição social garantiria essa democracia. O 'Lênin' provavelmente não respondeu no seu decálogo.
"Considerando que apenas 10% da população brasileira tem a intelectualidade suficiente para entender essa realidade, nosso dever estaria por conta de levar essa verdade ao conhecimento de pelo menos mais 9 pessoas. Isso não é muito se pensarmos que convivemos diariamente com um número de pessoas muito maior que esse."
Além de subestimar a capacidade do povo de entender que isso é uma asneira sem tamanho, o bastião da verdade ainda convoca todos à prática do spam. Porque se isso não é chamada pra spam, por favor me expliquem nos comentários.

http://knowyourmeme.com/memes/red-guy-blue-guy